08 September, 2009

Grande Buraco Pequeno.

Feche os olhos e relaxe
Corra por este labirinto
Dentro da sua mente
Deixe tudo que encontrou para trás
Agora, permita-se
Escolher uma saída
E escorregar até um mundo
Tão real quanto você gostaria.

12 comments:

Dan said...

ultimamente tenho treinado muito pra fazer isso, mas ainda não estou pronta, ainda não
:)

Marcela Reinhardt said...

continue sempre fabricando poemas! GOstei muito deste!

http://marcelareinhardt.blogspot.com/2009/09/concurso-de-poesia.html

Participe do concurso de poesia do blog dias a mais!

Leon K. Nunes said...

Coisa de aventureiro. Somos de uma geração que não foi educada para correr riscos desse nível. Mas... para a frente e avante, afinal, a vida está aí para ser destrinchada! Fatalmente, há algo a se procurar nessa nossa selva.

Bom ver a fábrica funcionando novamente. Té mais.

Raquel said...

Uhuuuuuuu!!! eu fiz e funciono, logo logo tenho que trabalhar ai a realidade é dura viu!
Bjokas!
Lindo Blog... eu volto!

CátiaSofia said...

Isso sim seria muito bom, puder ir para o mundo onde tudo fosse bem melhor+.+


-desculpa a ausência, beijo grande


:DDD

Deni Maciel said...

e viva nossos objetivos. ..*-*
busca-los-ei
abraços e ótima semana
=]

Barb. said...

Quanto tempo eu não vinha aqui!
Incríveis poemas, como sempre ;-)
Beijão

Almi Júnior said...

"Vamos nos permitir..."

Lua Durand said...

o dificil é depois abrir os olhos e ver que o mundo só estava aqui, atrás dos meus olhos.

-

mas ainda assim é bom sonhar.

-

né?

Renata said...

Feliz Natal querida E qe vnha a vida!

Borblady said...

é pequeno, mas diz muita coisa (=

Aline said...

Gostei muito dos poemas, estas de parabens, me fazem bem, fazem bem a alma